Marca Maxmeio Watford
Acesso restrito

Blog

22 de fevereiro

10 motivos para você querer visitar a Nova Zelândia

A Nova Zelândia é um dos países que mais atraem estudantes brasileiros, mas ao mesmo tempo ainda é pouco conhecida nas terras tupiniquins. Por isso vamos listar algumas razões que certamente vão fazer você lembrar desse país na hora de escolher suas próximas férias (ou pelo menos pra você sonhar com essa viagem).

1 – Você vai ver belezas naturais incríveis


A Nova Zelândia é um país com uma natureza bastante diversificada e bela. Possui vulcões, montanhas, praias, lagos e verde, muito verde. Era beleza natural que você queria, @?

2 - Brasileiros não precisam de visto para viagens de até três meses
Ao contrário de lugares como Estados Unidos e Canadá, que pedem visto com antecedência até para viagens turísticas curtas, para ir à Nova Zelândia por até três meses, brasileiros só precisam ter um passaporte válido e comprovar na chegada que possuem recursos financeiros para se sustentar no país, além de hospedagem garantida e passagens aéreas de ida e volta.

3 – É um ótimo lugar para praticar esportes radicais
Além do bungee jump, é possível fazer atividades como paraquedismo, rafting, rapel, mountain bike, esqui, alpinismo, escalada, mergulho... As opções são diversas e é super fácil encontrar anúncios, principalmente em Queenstown.

4 – Senhor dos Anéis foi filmado lá


A trilogia de Senhor dos Anéis para o cinema foi toda filmada na Nova Zelândia, então você vai poder conhecer desde a vila de Hobbiton (foto) a cidade de Nelson, onde mora o artesão que criou os 40 anéis usados na produção dos filmes e até mesmo comprar o seu.

5 – É um dos países mais seguros do mundo
Enquanto, no Brasil, a taxa de homicídios foi de 25,8 para cada 100 mil habitantes, em 2014, a Nova Zelândia teve 1,5 para a mesma quantidade de pessoas nesse mesmo ano. Ou seja, em um país com cerca de 4,7 milhões de pessoas, houve um total de 66 assassinatos durante um ano inteiro. É um dos lugares com menos homicídios no mundo. Além disso, assaltos, roubos, furtos e outros crimes são bem menos numerosos por lá, então, tomando as devidas precações, a possibilidade de você sofrer com algum tipo de violência é muito baixo.

6 - Você pode gastar menos, em relação aos EUA e os principais países da Europa
Como o dólar neozelandês é mais barato que o euro, a libra esterlina (Reino Unido) e o dólar americano, suas despesas provavelmente serão mais baixas. Como é um país mais distante, a passagem aérea para a Nova Zelândia acaba não sendo barata, mas você vai ter menos gastos ao chegar lá. Veja a comparação (cotação em 22/02 para moeda turismo): 1 dólar neozelandês = R$ 2,39 1 libra esterlina = R$ 4,54 1 euro = R$ 4,01 1 dólar americano = R$ 3,39

7 – Você pode esquiar num dia e ir à praia no outro

É que menos de 300 km separam algumas das principais estações de esqui do país, que ficam no Mount Ruapehu, e a Hawke’s Bay. Para os mais audaciosos, seria possível fazer isso até no mesmo dia!

31 de janeiro

Quem fala outro idioma fica mais inteligente

Você fala ou pretende aprender um segundo idioma? Parabéns. Você ficará ainda mais inteligente. Ao menos isso foi o que apontou um estudo desenvolvido pela Universidade de Edimburgo, na Escócia.

Segundo a pesquisa, que avaliou 262 pessoas, quem fala outra língua ainda amplia a fluência verbal e a capacidade cognitiva. Ou seja, facilita a expressão oral e a compreensão de forma geral. Para chegarem a essa conclusão, os pesquisadores verificaram os níveis dos participantes aos 11 anos e voltaram a estudar o mesmo grupo quando eles já tinham 70 anos. Do total, 195 aprenderam outro idioma antes dos 18 anos e 65 apenas na fase adulta.

Outro aspecto interessante é que os participantes não são mais inteligentes e por isso aprenderam outra língua. Eles simplesmente teriam desenvolvido essa capacidade juntamente com a nova competência adquirida. Para o professor Onofre Lopes Neto, do Watford, esse aprendizado ainda traz experiências ótimas. "Em uma escola de idiomas, o aluno convive com pessoas diferentes e também começa a descobrir a cultura de outros países. Isso é excelente em qualquer idade", explica.

E você? Está esperando o que para aprender inglês e espanhol no Watford?

Com informações da BBC Brasil.

25 de janeiro

6 livros para ler em inglês nas férias

Que tal aproveitar as férias para colocar a leitura em dia e ainda desenferrujar o inglês? Pois é nessa missão que nós vamos ajudar vocês, indicando seis livros e ainda uma série deles. Se você acha que não consegue superar esse desafio de ler em inglês, não se preocupa. Não precisa entender tudo. O mais importante é tentar compreender o contexto e aprender novas palavras. Desafio lançado, vamos à lista:

1 - Alice in Wonderland, por Lewis Carroll

Um clássico, Alice in Wonderland (Alice no País das Maravilhas, em português) não podia ficar de fora da nossa lista. Embora seja bastante conhecida por suas adaptações para o cinema, essa é uma história escrita pelo inglês Charles Dodgson, mais conhecido pelo pseudônimo Lewis Carroll, e sua versão original é tão importante para a literatura que não pode ser ignorada.

2 – The Happy Prince, por Oscar Wilde

Oscar Wilde é, sem dúvida, um dos autores que você não pode deixar de lado quando o assunto é literatura anglófona. Esse irlandês foi o criador de obras aclamadas, como The Picture of Dorian Gray (O Retrato de Dorian Gray) e a coletânea “The Happy Prince and Other Tales”, publicada em 1888.

3 – Robin Hood, por Sally M. Stockton

Você provavelmente já viu algum filme ou ouviu a história de um arqueiro que luta por justiça, tirando dos mais ricos e distribuindo entre os pobres. Robin Hood é um clássico da literatura definitivamente não pode ficar de fora.

4 – The Old Man and the Sea, por Ernest Hemingway

Com uma história humana e que gera profunda identificação com o pescador que batalha e vive a natureza, essa obra é especial. Foi com ele que Hemingway ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1954 e se consagrou com um dos escritores mais importantes do mundo.

5 – Mary Poppins, por Pamela Lyndon Travers

Primeiro da série de oito livros para crianças escrita pela australiana P. L. Travers, Mary Poppins conta a história de uma babá com poderes mágicos. Ganhou versões para o cinema  teatro e rádio, sendo facilmente reconhecida por seu guarda-chuva.

6 – The Hobbit, por J. R. R. Tolkien

Que tal mergulhar em um mundo de fantasia completamente original criado pelo autor inglês J. R. R. Tolkien? Esta obra precede a trilogia The Lord of The Rings (O Senhor dos Anéis), embora a versão para o cinema tenha sido produzida depois. The Hobbit narra as aventuras de Bilbo Baggins (ou Bolseiro, em português), que precisa conseguir parte de um valioso tesouro guardado pelo dragão Smaug.

Bônus - Harry Potter, por J. K. Rowling

Nosso bônus não é um livrinho, mas uma coletânea inteira deles. Aproveite as férias e leia as aventuras do bruxinho mais famoso do mundo em inglês. Ao todo, são sete livros de Harry Potter que vão te dar uma perspectiva completamente diferente da história.

17 de janeiro

Descubra como organizar seus estudos em 2018

Todo mundo sabe que estudar é importante, mas na hora de colocar a teoria na prática não há quem não se enrole pelo menos um pouquinho, principalmente quando se tem o dia super cheio. Com trabalho, faculdade/escola e curso de idiomas, fica difícil mesmo. Mas não precisa se desesperar, a gente vai ajudar vocês com algumas dicas preciosas.

Durma bem
Pode parecer bobo, mas na verdade essa é a base para uma rotina de estudos de qualidade. Com o repouso adequado, você vai ter uma maior capacidade de concentração e memorização.

Determine suas prioridades
Não adianta querer fazer tudo ao mesmo tempo. Você precisa estabelecer uma sequência de prioridades pra poder ir dando um passo por vez. Não é só uma questão de organização, mas de estratégia. Assim você sabe que percurso vai fazer, em quanto tempo e que ferramentas vai usar pra chegar ao seu objetivo.

Estude o que aprendeu logo após a aula É importante revisar o conteúdo da aula no mesmo dia, porque você ainda vai lembrar bem do que aprendeu e assim memorizar melhor. É que dessa maneira seu cérebro vai compreender a importância daquele novo conhecimento.

Fique off das mídias sociais
Pelo menos quando estiver em sala de aula, evite usar celular. A gente sabe que é difícil, mas suas notas vão agradecer. É que as mídias sociais são hoje uma grande distração e, dividindo sua atenção entre a aula e elas, sua capacidade de aprendizagem vai cair.

Pratique atividades físicas regularmente
Assim como um sono regulado melhora seu desempenho, atividades físicas melhoram sua saúde e ainda ajudam a relaxar a mente em meio a uma rotina estressante. Não pense que usar esse tempo para estudar vai ser mais útil. É melhor ter menos tempo com eficiência do que forçar um corpo cansado a estudar.

Escolha bem seu local de estudos
Não vá seguir todos esses passos e no final estudar em um espaço bagunçado e com muito barulho. Concentração também é importante!

Quer estudar inglês ou espanhol em 2018? O Watford está com matrículas abertas!

Unidades:
Prudente
Av. Prudente de Morais, 6267 - Candelária
(84) 3206-0800

Centro
Av. Deodoro, 802 - Centro
(84) 3222-8606

Zona Norte
Rua Senhor do Bonfim, 12 - Potengi
(84) 3614-9553

03 de janeiro

Fazer curso de inglês ou estudar em casa?

Muitas pessoas que desejam aprender inglês têm dúvidas na hora de escolher entre o curso presencial ou à distância. Vamos te mostrar vantagens dos dois modelos de ensino. Mas é importante saber que independente do que você escolher, é preciso muita dedicação para atingir a fluência.

Estudando em casa você tem a possibilidade de criar o seu próprio horário deestudos. A internet será a sua grande aliada na busca por aprender um novo idioma. E você poderá escolher entre estudar sozinho ou em grupo.

Já o curso de inglês oferece toda uma estrutura para facilitar o seu aprendizado. Você terá professores a sua disposição para tirar dúvidas, material de estudo pensado especialmente para o seu nível, unido a conteúdos de jogos, vídeos, ferramentas digitais e atividades fora de sala. Além de você poder fazer novos amigos e aprender com cada um deles, você também poderá escolher se quer aprender de forma intensiva ou tradicional, de acordo com o seu ritmo.

E aí? Te ajudamos?
Se você concorda com a gente que a escola de inglês é o mais interessante, então não esquece de fazer a sua matrícula. Estamos com inscrições abertas!

Unidades:
Prudente
Av. Prudente de Morais, 6267 - Candelária
(84) 3206-0800

Centro
Av. Deodoro, 802 - Centro
(84) 3222-8606

Zona Norte
Rua Senhor do Bonfim, 12 - Potengi
(84) 3614-9553

26 de dezembro

Saiba como fazer de 2018 o melhor ano da sua vida

O ano novo está chegando, mas você já fez suas metas para torná-lo o melhor da sua vida? Ainda dá tempo! Para começar, faça uma retrospectiva de 2017 e liste tudo aquilo que te deixou feliz, todas as suas conquistas, mas também o que você não realizou ou desistiu e deixou no meio do caminho.

Agora é hora de planejar o que está por vir e você não pode deixar de incluir 5 tópicos essenciais na sua lista:

1 – Seja mais tolerante
Você vai perceber que muitas transformações positivas ocorrerão no seu dia a dia. A convivência com as pessoas ao seu redor vai se tornar mais leve. O mau humor, a tristeza e o desânimo darão lugar ao bem-estar, a alegria e ao otimismo. Praticar a tolerância é uma forma de demonstrar verdadeiro respeito ao próximo.

2 – Ajude quem precisa
Seja com uma doação ou um gesto de carinho. Doe sangue, água, comida, roupas, lençol ou tolhas. Dê um abraço, um sorriso, uma palavra amiga ou conte uma história feliz. O que estiver ao seu alcance fará a diferença na vida de alguém.

3 – Desenvolva um hábito saudável
Seja qual for a sua motivação, nunca é tarde para começar uma atividade física. Caminhe, corra, dance, vá à academia ou aprenda artes marciais. Faz bem ao corpo e à mente.

4 – Faça uma viagem
Saia da rotina. Viajar nos torna mais criativos. Conhecer novas culturas, crenças, idiomas abre a mente, renova nossas ideias, melhora nossas atitudes, nos torna mais confiantes. Viajantes acumulam grandes experiências e ampliam seus conhecimentos culturais e linguísticos.

5 – Aprenda algo novo
Novas descobertas e aprendizados nos trazem crescimento pessoal e profissional. Seja aprendendo um novo idioma ou descobrindo um novo hobby. Reserve um tempo no seu dia para uma leitura, um curso ou um novo trabalho.

Se a sua escolha foi aprender um novo idioma, não perca tempo! Vem pro Watford! Matrículas abertas!

Unidades:
Prudente
Av. Prudente de Morais, 6267 – Candelária
(84) 3206-0800

Centro
Av. Deodoro, 802 – Centro
(84) 3222-8606

Zona Norte
Rua Senhor do Bonfim, 12 – Potengi
(84) 3614-9553

22 de dezembro

5 dicas para você aprender inglês em 2018

2017 chegou na reta final e você ainda não fala inglês? Não precisa se preocupar tanto. Quer dizer, precisa sim, mas nós vamos dar umas dicas pra você resolver esse problema no próximo ano e sair por aí falando.

1. Viva a língua inglesa


Quem deseja aprender outro idioma precisa incorporá-lo ao cotidiano. Mude a língua do seu celular e de outros dispositivos para o inglês; Olhe para os objetos ao redor e pronuncie mentalmente os nomes deles em inglês; Tente conhecer pessoas estrangeiras para poder praticar o que sabe ou aprender palavras e expressões novas.

2. Não tenha vergonha
De que adianta fazer curso de inglês, se dedicar e ter vergonha de praticar quando surge a oportunidade? Você precisa entender que todo mundo comete erros quando está aprendendo um novo idioma.

Até nativos erram, então você não tem por que se cobrar tanto. Fale, fale muito.

3. Escolha uma boa escola de inglês
Dá para aprender muito por conta própria, mas a escola é o lugar ideal para quem quer chegar a um bom nível de fluência e se comunicar corretamente. É onde você vai ter um professor auxiliando o tempo todo, corrigindo e te incentivando a melhorar sempre. Além disso, você vai poder participar de diversas atividades e compartilhar suas dificuldades com pessoas que têm o mesmo nível de conhecimento.

4. Use a Internet a seu favor
Se antes era necessário ir a bibliotecas recorrer a livros didáticos e esperar dias até ter a oportunidade de esclarecer dúvidas, hoje você pode fazer isso instantaneamente usando a Internet.

Use e abuse dessa ferramenta e, com certeza, os resultados virão mais rapidamente.

5. Cante em inglês
A música é uma importante aliada para quem deseja aprender outros idiomas. Como as canções têm um ritmo bem marcado, isso ajuda você a repetir melhor os sons. É muito comum ver pessoas que não falam bem inglês conseguirem pronunciar os sons corretamente e com uma excelente fluência quando estão cantando. Quem canta OS ERROS espanta!

Quer aprender inglês em 2018? Então matricule-se no Watford!

Unidades:
Prudente
Av. Prudente de Morais, 6267 - Candelária
(84) 3206-0800

Centro
Av. Deodoro, 802 - Centro
(84) 3222-8606

Zona Norte
Rua Senhor do Bonfim, 12 - Potengi
(84) 3614-9553

13 de dezembro

5 filmes para você aprender sotaques em inglês

Ver filmes é uma ótima forma de aprender novas palavras e frases em inglês, mas não só isso. Também dá para conhecer sotaques de diferentes países e regiões, dependendo do tema e do local de origem. Neste artigo, separamos produções para você saber como se fala em cinco lugares.

1. This is England (2006) - Inglaterra
Com muitas gírias e termos informais, esse filme conta a história de um jovem que se une a um grupo de skinheads. Se você quer aprender mais sobre como os ingleses falam, é uma boa pedida.

2. Trainspotting (1996) - Escócia


Esse drama filmado na Escócia aborda, com bastante violência, histórias de viciados em heroína. Bastante polêmico por sua temática, Trainspotting é uma excelente amostra de como o sotaque escocês é único.

3. Dhoom 3 (2013) - Índia
A indústria indiana de cinema, conhecida como Bollywood (com B mesmo), é uma excelente fonte para aprender mais sobre o sotaque indiano. Você pode se perguntar por que colocamos a Índia na lista, mas é que, como ex-colônia britânica, esse país também tem o inglês como idioma oficial.

4. P.S. Eu te Amo (2007) - Irlanda
Quando o grande amor da vida de uma mulher morre, ela descobre que ele deixou cartas para fazê-la ter vontade de continuar a viver. Além da bela história, o sotaque irlandês do ator Gerard Butler com certeza deixa esse filme mais charmoso.

5. Clube de Compras Dallas (2014) – Texas, EUA


Com sons mais nasais e bocas que praticamente não se abrem, o Texas, nos Estados Unidos, tem um dos jeitos de falar mais diferenciados do país. Nesse filme que rendeu o Oscar de melhor ator para Matthew McConaughey, você vai poder conhecer melhor esse sotaque.

28 de novembro

10 curiosidades sobre a língua inglesa

Esta semana, reunimos 10 curiosidades surpreendentes sobre o idioma.

Confira:

1. O inglês "nativo" tem muitos sotaques e endereços. Ele pode ser britânico, escocês, irlandês, americano, canadense, caribenho, africano, asiático, australiano etc. Isso sem falar nas línguas crioulas e pidgins.

2. A língua tem 26 letras e 44 sons. As 26 letras são usadas para representar os 44 sons de 650 maneiras diferentes.

3. "S" é a letra que mais inicia palavras em inglês.

4. "Strengths" é a maior palavra da língua com apenas uma vogal.

5. "Rhythm" é a palavra mais longa sem vogal.

6. As duas frases mais curtas da língua inglesa são: "Go!" e "I am".

7. As palavras "ewe" (ovelha) e "you" (você) não têm nenhuma letra em comum, mas têm a mesma pronúncia. "Eye" (olho) e "I" também.

8. "Set" é a palavra com mais definições diferentes em inglês (algo em torno de 450!).

9. A palavra "alphabet" é formada pelas duas primeiras letras do alfabeto grego: alpha e bēta.

10. A frase "The quick brown fox jumps over the lazy dog" contém todas as letras do alfabeto inglês. Frases como essa são chamadas de pangramas ou pantogramas (do grego "pan" ou "pantós", todos, e "grama", letra).

Fonte: Revista Exame

23 de novembro

10 razões para você estudar inglês em 2018

Que o inglês é um dos idiomas mais populares e importantes do mundo não é nenhuma novidade pra você, então só pode estar faltando motivação. Se é assim, resolvemos listar 10 razões pra começar a estudar no próximo ano!

1. Mais portas estarão abertas para você
Dominar o inglês pode trazer diversas oportunidades para você, principalmente no mundo profissional. Conseguir emprego, ascender na carreira, fazer viagens profissionais ou até mesmo trabalhar em uma empresa multinacional são algumas das possibilidades, se você tiver um bom nível.

2. Estudar no exterior pode entrar nos seus planos
Você também poderá estudar em outro país, mesmo que inglês não seja o idioma oficial. A fluência tornará mais fácil sua admissão em uma universidade estrangeira, seja na graduação, na pós ou até mesmo em programas de intercâmbio. Você também pode aproveitar que muitas universidades e centros de educação e cultura oferecem cursos no período de férias para dar um "up" na sua formação.

3. Cursos onlines incríveis só estão disponíveis em inglês
Muitas das melhores universidades do mundo, como Yale, Columbia e Stanford, dos Estados Unidos, oferecem cursos online. Vários são gratuitos, mas nem todos têm tradução para o português. Se você souber inglês, isso não será um problema. Fique de olho na plataforma Coursera (https://www.coursera.org), onde eles são disponibilizados.

4. É mais fácil e divertido viajar sabendo inglês
Viajar com inglês na ponta da língua te dará muito mais autonomia, segurança e evitará que você entre em ciladas, confusões ou situações constrangedoras por falta de compreensão. Se comunicando bem, você ainda poderá fazer novos amigos.

5. Você poderá se comunicar com pessoas de todo o mundo
Você pode não só fazer amizades em suas viagens como mantê-las à distância. Você ainda poderá salvar aquele turista perdido ou fazer novas amizades com os estrangeiros que aparecerem na sua cidade. Isso significa estar em contato com muitos povos e culturas utilizando apenas um idioma, o inglês.

6. Você finalmente vai sacar as piadas dos filmes
Com inglês, você pode apreciar melhor os trocadilhos, piadas, metáforas e todas as nuances que são perdidos nas legendas ou dublagens. Aprender a língua também nos faz aprender sobre a cultura, o que inclui as tradições, o humor e a forma de pensar de um povo. Você ainda vai poder assistir a qualquer filme ou série, mesmo sem legenda disponível.

7. Cantar sua música predileta não será mais um mico
Já imaginou soltar a voz em inglês sem constrangimento? Sem aquele amigo te corrigindo? E ainda entendendo tudinho que está sendo cantado? Você não precisará mais recorrer às letras traduzidas para saber o significado e poderá compreender os comentários feitos pelo seu cantor favorito. Imagina que triste seria a Selena Gomez falar algo olhando pra você durante um show e você acabar sem entender nada?

8. Você poderá ler as versões originais dos livros
Nenhuma tradução consegue ser 100% fiel. Durante esse processo, há sempre uma perda literária em relação ao texto original. Há palavras, expressões e formas de escrever que não são possíveis de se traduzir para outra língua. Lendo no original, você terá uma compreensão melhor daquilo que o autor escreveu e terá acesso ao seu estilo literário.

9. Você sempre terá novidades
Muitos livros e artigos científicos não têm versões traduzidas para o português. A maior parte conteúdo da Internet está em inglês. Ou seja, você poderá ter acesso a informações, técnicas e conhecimentos que ainda nem chegaram por aqui.

10. Seu cérebro agradece
Ser bilingue faz bem a saúde. Aprender e por em prática outra língua exercita e desafia o cérebro, ajudando na memorização e prevenção de doenças como o Alzheimer. Olha só!

Se bateu aquela vontade de estudar inglês, vem pro Watford. Matrículas abertas!

Unidades:
Prudente
Av. Prudente de Morais, 6267 – Candelária
(84) 3206-0800

Centro
Av. Deodoro, 802 – Centro
(84) 3222-8606

Zona Norte
Rua Senhor do Bonfim, 12 – Potengi
(84) 3614-9553

Confira também:
5 dicas para escolher uma escola de idiomas

Ver mais